3 Estrelas Mortas que Podem Derrubar a Relatividade Geral

Imagine que você é um astrônomo com idéias brilhantes sobre as leis sobre as leis do cosmos.
Como qualquer bom cientista, você desenvolve um experimento para testar sua hipótese.
Mas testar essas hipóteses são um grande problema, exceto talvez em uma simulação por computador.

Mas existem lugares raros no espaço onde a natureza lançou suas próprias experiências, como o PSR J0337 + 1715.
Primeiro observado em 2012 e anunciado em 2014, este sistema triplo está a 4200 anos-luz de distância na constelação Taurus.
Seus três núcleos estelares mortos estão atravessando um balé que poderia confirmar, ou revisar, as idéias de Einstein sobre o espaço-tempo. As apostas são altas.
Na década de 1970, um sistema de duas estrelas mortas forneceu evidências fortes, embora indiretas, que apoiam a teoria da relatividade geral de Einstein e que as ondas gravitacionais realmente existem.

Talvez o PSR J0337 + 1715 seja o experimento cósmico perfeito: um em que a teoria da relatividade geral claramente apresenta problemas.

Fontes:
Canal Poligonautas
https://www.youtube.com/user/poligonautas

https://www.newscientist.com/article/2140857-the-cosmic-dance-of-three-dead-stars-could-break-relativity

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta