Por Que Precisamos da Dualidade Onda-Partícula?

A dualidade onda-partícula, também denominada dualidade onda-corpúsculo ou dualidade matéria-energia, constitui uma propriedade básica dos entes físicos em dimensões atômicas – e por tal descritos pela mecânica quântica – que consiste na capacidade dos entes físicos subatômicos de se comportarem ou terem propriedades tanto de partículas como de ondas

A ideia da dualidade teve origem em um debate sobre a natureza da luz e da matéria, que remonta ao século XVII, quando Christiaan Huygens e Isaac Newton propuseram teorias concorrentes para descrever a luz: a luz foi pensada tanto para consistir de ondas (Huygens) ou de partículas (Newton). A partir do trabalho de Max Planck, Albert Einstein, Louis de Broglie, Arthur Compton, Niels Bohr e muitos outros, a teoria científica atual sustenta que todas as partículas também têm uma natureza de onda (e vice-versa). Este fenômeno foi verificado não somente para partículas elementares, mas também para as partículas compostas, como átomos e até mesmo moléculas.

Por Que Precisamos da Dualidade Onda-Partícula?

Referências:

Wikipédia :
https://pt.wikipedia.org/wiki/Dualidade_onda-corp%C3%BAsculo

Canal Ciencia todo dia
https://www.youtube.com/user/CienciaTodoDia

1 Trackback / Pingback

  1. Por Que Precisamos da Dualidade Onda-Partícula? | #Temculpaeu

Deixe uma resposta